Gestão de tempo

Como aproveitar melhor os dias de folga

Elizabeth Grace Saunders
20 de agosto de 2018
como aproveitar dias de folga

A ideia de “férias” costuma evocar pensamentos de viagens para lugares distantes. Embora seja verdade que essas viagens podem ser divertidas e até revigorantes, elas também podem consumir muito tempo, energia e dinheiro. Muitas pessoas se sentem exaustas só de pensar em planejar as férias — não apenas em relação a compromissos pessoais e férias escolares, mas decidir como delegar projetos importantes ou colocar o trabalho em modo de espera, apenas para que possam ter férias livres de estresse. Por esse motivo, algumas pessoas podem adiar sua folga, imaginando que terão tempo para descansar quando a agenda estiver menos cheia, e acabam descobrindo no final do ano que não usaram seu tempo de férias remuneradas.

Na minha experiência como coach de gerenciamento de tempo e empreendedora, descobri que as férias não precisam ser longas para beneficiar sua saúde e felicidade. Na verdade, venho experimentando a ideia de tirar “miniférias” com frequência, geralmente semana sim e semana não. Esses pequenos intervalos de tempo para descanso podem aumentar a minha sensação de felicidade e de ter “espaço para respirar”.

Do meu ponto de vista, miniférias são folgas de um dia ou menos. Por durarem pouco, tendem a demandar menor esforço para serem planejadas. E miniférias geralmente não exigem que você deixe seu trabalho com outros enquanto está fora. Por conta desses benefícios, você pode tirar miniférias com mais frequência durante o ano, o que permite que você recarregue as energias antes que se sinta esgotado.

Se você sente que precisa de um tempo da rotina, mas não consegue encontrar tempo para férias prolongadas, veja quatro maneiras de inserir as miniférias em sua vida.

Viagens de fim de semana. Em vez de limitar suas férias a aventuras de uma semana, considere uma viagem de dois ou três dias para um lugar mais próximo. Sou abençoada por viver em Michigan, e uma das minhas viagens favoritas de fim de semana é dirigir até o Lago Michigan e ficar por algum tempo em um pequeno chalé alugado na costa, ou dirigir até o norte para um parque estadual. Especialmente se você vive em uma área urbana, viajar mesmo que por poucas horas pode fazer com que você sinta que está em outro mundo.

Para fazer com que a viagem seja tão renovadora quanto possível, considere tirar folga em uma sexta-feira para conseguir fazer a mala, chegar ao seu destino e fazer algumas coisas antes de dar o dia por encerrado. Isso ainda lhe dará dois dias para explorar o local. Se chegar em casa no horário do jantar no domingo, você poderá desfazer a mala e colocar a casa em ordem antes que a semana de trabalho comece de novo.

Pode ser que sua caixa de entrada tenha mais e-mails do que de costume em uma segunda-feira, mas, fora isso, suas miniférias não deverão criar nenhum outro grande acúmulo de trabalho.

Lista de compromissos pessoais. Às vezes finalizar as coisas mais simples pode fazer com que você se sinta fantástico. Considere tirar uma tarde — ou até um dia inteiro — para realizar mais calmamente as tarefas pessoais que você quer muito fazer, mas tem dificuldade em encontrar tempo. Por exemplo, pense naqueles compromissos como cortar o cabelo, fazer as unhas, trocar o óleo ou marcar consultas médicas. Você sabe que deveria fazer tais coisas, mas achar tempo para elas no dia a dia é difícil.

Talvez você queira ter tempo para começar tarefas que você parece nunca conseguir fazer, como escolher os móveis para a varanda, desfazer as últimas caixas que estão no quarto de hóspedes ou abrir sua conta para aposentadoria. Tecnicamente, você poderia fazer essas tarefas em uma noite ou em um fim de semana. Mas se você sempre acha que está longe de finalizá-las e se tem dias de folga, use-os para tirar um pouco do peso da lista incômoda de itens não concluídos.

Dias mais curtos para sociabilizar. Conforme as pessoas envelhecem, e particularmente depois que se casam, há uma tendência de reduzirem a quantidade de tempo que passam com amigos. Uma maneira de encontrar tempo para os amigos sem sentir como se estivesse sacrificando seu tempo com a família é dedicar uma hora ou duas de seu tempo de descanso no dia para sair para almoçar com os amigos ou encontrá-los antes de voltar para casa. Se você conseguir dividir suas férias nesses pequenos momentos, um único dia de férias pode facilmente lhe dar quatro oportunidades de se conectar com amigos que talvez você não chegasse a ver de outra forma.

Se você não consegue conversar com seu parceiro sem ser interrompido pelos filhos, uma estratégia semelhante pode ser útil. Encontre dias em que um dos dois ou ambos podem tirar um tempinho para estar juntos. Uma hora extra ou duas não fará tanta diferença no trabalho, mas poderia impactar fortemente a qualidade do relacionamento de vocês.

Trabalho remoto para aliviar a rotina. Muitos escritórios oferecem opções de trabalho remoto por alguns dias ou durante a semana inteira. Se isso lhe é oferecido e é compatível com seu estilo de trabalho e com o que você faz, aproveite essa opção.

Tecnicamente, trabalhar de casa não é tirar miniférias, mas pode muitas vezes dar essa sensação. (Por favor, ainda faça seu trabalho  não quero me comprometer aqui!) Se seu trajeto para o trabalho é de uma hora ou mais, para a ida e para a volta, não ter que se deslocar pode devolver duas ou mais horas à sua vida, que podem ser usadas para aquelas tarefas pessoais e momentos de confraternização mencionados acima.

Além disso, para quem trabalha em escritórios agitados, que não tenham janela ou onde sempre há reuniões para participar, trabalhar de modo remoto pode dar uma agradável sensação de alívio. E ainda é possível que você consiga produzir mais. Uma vista bonita também pode dar uma nova sensação de calma enquanto lida com projetos mais estressantes. Sinto que quando trabalho em um lugar bonito, como à margem de um lago, a sensação é quase tão boa quanto se eu estivesse de férias. Os ambientes têm um impacto enorme em como me sinto.

Em vez de pensar nas “férias” como um evento importante que ocorre uma ou duas vezes ao ano, considere incluir as miniférias na sua vida com frequência. Ao se dar permissão para tirar tempo para si, você poderá ter mais tranquilidade em relação ao seu tempo.
—————————————————————————
Elizabeth Grace Saunders é coach de gerenciamento de tempo e fundadora da Real Life E Time Coaching & Speaking. Ela é autora de How to invest your time like money e Divine time management.—————————————————————————
Tradução: Thaís Daou

 

Compartilhe nas redes sociais!